3 de ago de 2011

Com quem é que você está falando?

imagePor hábito eu sou um eterno coruja, fico ouvindo duas faixas ao mesmo tempo e gosto mais de ouvir de que falar nas frequências. Observo e já comentei isto aqui, muitos radioamadores – maioria PY classe A – adentram nas frequências falando de forma que se eles ouvissem não acreditariam.

Aperta o ptt e fala: Tem alguém na frequência? (é claro que tem… normalmente tem mais de 100 pessoas corujando as frequências.)

Aperta o ptt e fala: Cadê os amigos da cidade xpto? (amigo de quem?)

Aperta o ptt e fala: Tô aqui querendo trocar um QSO e esta repetidora está vazia… (já disse… tem muita gente ouvindo)

Aperta o ptt e fala: Tem algum macanudo ai??? (sem resposta)

O próximo passo o nosso amigo fica nervoso porque ninguém atende ao seus chamados e começa a xingar, o resto nós já sabemos.

Resolver isto é muito fácil, basta saber falar e falar corretamente:

Aperta o ppt e fala: Papa Uniforme dois – Xingu Papa Sierra – PU2XPS Sérgio – Operando móvel pela rodovia tal, boa tarde a todos os amigos da frequência, alguém disponível para um QSO? (garanto que rapidamente alguém aparece)

Ou uma chamada direta: PU2XPS Sérgio a PY2LEU, boa tarde. (Se o PY2LEU estiver disponível ele vai atender, em muitos casos pela sua educação perceberá que outro amigo poderá entrar na frequência e dizer que o PY2LEU acaba de sair diz que volta mais tarde e etc.).

Quem está do outro lado do rádio quer saber primeiro quem é que está chamando, para isso você tem – ou deveria ter – um indicativo, ele é a sua identificação então use-o.

Outros casos…. Aperta o ptt e fala: Cadê o magrelo? Cadê o barrigudo? cadê o dentinho… e por ai vai. Caramba é só chamar pelo nome do rádio = indicativo, já pensou quanto esforço você dedicou para tirar seu indicativo e entra um gracinha que insiste em te chamar por um apelido – normalmente pejorativo – ao invés de chamar por sua identidade de radioamador?

Então não abusa, dedique educação e respeito a quem está do outro lado do rádio – mesmo que seja este o teu maior amigo – e todos na frequência vão te respeitar. Deixe para usar pessoalmente os apelidos graciosos.  

Outra mancada geral… tem uma rodada de 4 ou 5 radioamadores conversando um papo super interessante, de repente entra um colega (isto acontece diariamente) pede oportunidade e ao ser atendido diz “ boa noite ao colega que me atendeu, boa noite aos demais pois cheguei agora e não sei direito quem estava na rodada bla bla bla….”, este é o tipo que entra no ônibus lotado e quer sentar na janelinha. Antes de entrar em uma rodada escute, perceba quem está participando, qual o assunto que está sendo conversado, as vezes é melhor você ficar só ouvindo e aprendendo, ouvir é o melhor remédio. Se depois disto você resolver participar da rodada vai ser muito bem recebido pois notarão que você cumprimentou a todos e que vai colaborar com o assunto ou mesmo colocar uma dúvida sua sobre o que está sendo discutido para que os amigos lhe ajudem.

O rádio está ai para ajudar a fazer amigos, mas a primeira lei é o respeito por todos, assim todos respeitarão a você.

Nenhum comentário:

Postar um comentário